como funciona a pílula do dia seguinte

Como funciona a pílula do dia seguinte

Como funciona a pílula do dia seguinte? Ela realmente ajuda a evitar uma gravidez indesejada? Ela faz mal a saúde da mulher? Pode causar problemas para se ter uma gravidez desejada? Essas e outras perguntar você vai ficar sabendo no artigo como funciona a pílula do dia seguinte.

O que é a pílula do dia seguinte

Existem várias maneiras de se evitar a gravidez. No artigo “20 métodos anticoncepcionais e suas taxas de sucesso” você vai conhecer os mais utilizados. A maioria deles é utilizado antes da relação sexual, como a camisinha e o diafragma, mas existe um método pós relação sexual, chamado de contracepção de emergência, que é mais conhecida como a pílula do dia seguinte. Ela é capaz de inibir uma gravidez quando a mulher imagina ter tido relações sem as devidas precauções anticoncepcionais.

Ela possui doses elevadas de hormônios e só deve ser usada de forma pontual e emergencial. Portanto, a pílula do dia seguinte não pode ser encarada como um método anticoncepcional habitual, mas sim como um método em caso de emergência, de forma esporádica. Ela não é abortiva, se você já estiver grávida, nada acontecerá ao seu feto.

Como funciona a pílula do dia seguinte

Se você manteve relações sexuais e não se protegeu com algum tipo de contraceptivo, você deve tomar a pílula o mais rápido possível, dentro das primeiras 72 horas. Ela pode obter resultados com até 120 horas entre a relação sexual e sua ingestão, mas quanto mais rápido ingerir, mais eficaz pode ser o resultado.

Mas, voltamos a reiterar, você deve tomar cuidado para não usar a pílula do dia seguinte como um contraceptivo em todos os casos. Procure se proteger de outra maneira, usando camisinha ou tomando anticoncepcional.

Algumas recomendações do Dr. Dráuzio Varela

Segue algumas recomendações do Dr. Dráuzio Varela de como funciona a pílula do dia seguinte.

A pílula do dia seguinte tem alguma contraindicação?

Mulheres com distúrbios metabólicos, principalmente insuficiência hepática e tromboembolismo venoso devem evitar tomar esse medicamento, sendo sempre importante conversar com um médico antes.

Posso tomar a pílula mais de uma vez por mês?

Não é recomendado, pois ela perde a eficácia, aumentando o risco de gravidez. Além disso, graças a sua alta dose de componentes hormonais, ela pode causar reações adversas como náuseas, alteração do ciclo menstrual, dor de cabeça e diarreia.

Ela é abortiva?

Não. O principal objetivo da pílula é bloquear a ovulação e com isso dificultar a incidência de gravidez. Caso a mulher não tenha ovulado, o anticoncepcional de emergência deverá impedir ou retardar a liberação do óvulo, evitando a fertilização. A pílula não deixa formar o endométrio gravídico (camada que recobre o útero para receber o óvulo fecundado e cuja descamação dá origem à menstruação).

É necessário receita médica para adquiri-la?

Não. Nos postos de saúde a receita também não é mais exigida, o que foi um enorme avanço em termos de saúde pública. Antes a mulher tinha que esperar quase dois meses para consultar um ginecologista. Nesse meio tempo, se ela esperasse a pílula, já estaria grávida. Atualmente, a mulher pode ir até o posto e se não tiver um médico de plantão, o próprio enfermeiro está autorizado a fornecer o medicamento a ela. Além disso, se ela for menor de idade, não é preciso estar acompanhada dos pais.

Normalmente o enfermeiro ou o técnico de enfermagem vai sugerir que ela converse com um médico posteriormente com o objetivo de ver se ela não está utilizando esse medicamento como único método contraceptivo, o que não é indicado.

Após utilizar posso continuar tomando pílula anticoncepcional ou tenho que esperar menstruar?

Espere vir a menstruação e comece a tomar uma nova cartela de pílula. Mas não faça sexo desprotegido, a pílula do dia seguinte não tem efeito cumulativo.

Qualquer dúvida, basta deixar um comentário. Se gostou e acha que pode ajudar outras pessoas, compartilhes nas redes sociais.

Como funciona a pílula do dia seguinte
5 (100%) 1 vote

2 comments

  1. Por favor, gostaria de saber se tem perigo usar a pílula do dia seguinte no primeiro mês de uso de contraceptivo injetável. Pesquisei na bula algumas informações dessa injeção http://cyclofemina.com.br e não encontrei informações sobre isso. Obrigada!

Deixe uma resposta